segunda-feira, 29 de Setembro de 2014

Agora sei que posso confiar nelas

Este fim de semana foi cheio de programas, cheio de aventuras com imensas histórias para contar. Esticámos ao máximo o tempo mas  a quantidade de coisas que conseguimos fazer em apenas dois dias, foram incríveis. A mais emocionante para elas, foi a experiência de sábado à tarde. A Terra Incógnita organizou mais um open day (acho que na realidade foram 4 dias de open day, de tão concorridas que são estas primeiras experiências no mar) para que as crianças possam ter um primeiro contacto com a vela, um desporto muito giro, que elas adoraram. Era suposto ter sido só a C. grande a fazer, mas a insistência e a cara marota da C. pequenina, convenceu todos, incluindo a mim, que a deixei ir sózinha, com a irmã e um dos mini instrutores. Depois de avisar mais de 50 vezes para não se mexer (como se isso fosse possível), para fazer tudo o que o professor dissesse, lá foram as duas felizes e contentes para um passeio nas docas, e uma entrada no rio, num barco à vela. AMARAM.
Nada como ver as caras de felicidade e o ar de contentes por estarem as duas ali, sózinhas, sem nós, a fazer o que lhes diziam e a adorar.
Para mim também foi bom, também deu para perceber que posso confiar nestas duas miúdas queridas que fizeram o que lhes pedi. Mais uma vez orgulhosa nestas minhas filhas, que me fazem tão Feliz.

Mais uma experiência TOP para quem gosta de desportos na água, para quem procura uma actividade gira, diferente que puxa pela auto-estima, pela confiança neles próprios e pelo rigor. Para mais informações vejam aqui.


























As caras, as posições, o ar concentrado, as gargalhadas...valeu por tudo, mas só por isso repetia 



Nota: Se resolverem experimentar, aconselho a levarem para eles, um fato de surf (se tiverem) ou uns calções impermeáveis, pois acabam por se  molhar e o ideal, é depois terem roupa seca para trocar, principalmente nesta altura do ano.




ps - Todos temos amigos que sonham ser pais e não conseguem, que fazem testes, que fazem tratamentos que têm como maior desejo ter nos braços um bebé. O seu bebé. Eu tive sorte e esqueço-me tantas vezes de agradecer essa felicidade. Quando descobri este blogue, lembrei-me logo que devia e tinha de partilhar, porque apesar de saber que a grande maioria dos meus seguidores é mãe e pai, pode haver quem não seja mas deseje muito ser. Espreitem  O meu laboratório de sonhos, perguntem, leiam e participem, a Sofia é um amor, uma expert no assunto da infertilidade e pode ser uma enorme ajuda. Também tem página no fb aqui. Vão gostar.

Que bom que era poderem Todos passar por este amor, por estes momentos tão mágicos.
Fotografias: Catarina Ferreira, Ties




pss - Nunca pensei ter tantas mensagens e pedidos para mostrar e dizer de onde são as camisas, t-shirts e túnicas que tenho mostrado no Instagram, quando coloco uma fotografia para o #desafio manhãs saudáveis (se bem que andam muito distraídas, porque ou está a marca identificada na fotografia, ou até acabo por dizer depois de perguntarem).
Aqui vai o que pediram, com legenda e link para a página (o resto dos dias basta verem no Instagram todas as manhãs aqui).

1- Zara
2 -  Helena Saldanha design, no Peixinho do Mar
3, 6 e 8 - Fantasylandstore
5 - Lanidor
9 - Novo Livro da Mafalda, à venda no site da Porto Editora (com desconto) aqui






Cacomae
Facebook AQUI, Instagram AQUI, Pinterest AQUI



domingo, 28 de Setembro de 2014

Desilusão

Acordámos sábado e vimos os nossos planos estragados. A ideia era ir de bicicleta fazer um longo passeio pelas docas, sempre junto ao rio até ao Mercado da Ribeira para comprar, flores, legumes verdes para o desafio das manhãs saudáveis que podem começar e ver como é no site da Mafalda aqui. Estou a gostar tanto dos resultados que penso prolongar por mais dias (o H. que também tem feito comigo, já sentiu as diferenças quando vai surfar. Muito mais energia e forças, que deram para aguentar o dobro do tempo dentro de água). Vou arriscar a fazer 20 dias seguidos em vez dos 10, mais alguém alinha?

A manhã acordou cinzenta e as notícias anunciavam chuvas fortes e algumas inundações, não arriscámos o passeio de bicicleta e fomos de carro ao mercado.
É triste de ver um mercado, tão giro por fora, com quioskes arranjados, com uma zona de restauração bem tratada e bem decorada e depois mesmo na ala ao lado, a parte das frutas, legumes, carne e peixe, uma zona feia, sem qualquer cuidado na apresentação. Confesso que fiquei bastante desiludida com esta parte. Nota dez para o mercado de Campo de Ourique, onde as bancas  estão misturadas com a restauração, nota 4 para este mercado da Ribeira. É pena de ver que ali as coisas foram feitas pela metade quando, ainda por cima neste momento, é um local de referência para tantos turistas que nos visitam.
Mesmo assim, passeámos por lá, comprámos flores, comprámos pão (esta é uma das coisas que faço e aprendi com a minha mãe, sempre que uma delas me diz que tem fome e não levei nada para lhes dar. Compro pão que adoram e comem sem mais nada, em vez de bolos ou outras porcarias que só lhes fazem mal) e comprámos verdes e frutas frescas.
Foi uma manhã animada e divertida com elas.






















As Cs.: jardineiras Oshkosh que adoro, com camisas brancas as mais pequeninas e uma t-shirt a Carlota. A diferença esteve nos ténis, all star para a Carlota, e os Victória, na Pé de Pato, o sítio com a maior e mais gira variedade de cores, Concha e Caetana.
Eu: vestido e um lenço cheio de cor da Fantasylandstore, sempre com coisas giras para nós, com ténis all star


Que bem que sabem os sábados à noite, em casa, com petiscos, um bom vinho e boa companhia.





ps -  Domingo, o dia foi passado a fotografar a nova colecção da MIM Castil, que mais uma vez me surpreendeu. Muitos modelos de vestidos e túnicas novos, jardineiras com um corte que amei, pormenores e detalhes nas peças com muito estilo, uma característica que esta marca já nos habituou.
Prometo mostrar mais, mas para já vejam no meu Instagram aqui, um bocadinho do que foi este dia em estúdio, com a Vera Sobral a tirar fotografias e a Rita Vilhena a decorar e transformar os cenários mais queridos, para esta sessão.


Um amor este conjunto para as bebés da casa MIM Castil





pss - Depois de um fim de semana tão cheio, a precisar das mãos milagrosas da S. da T. ou da A. para uma massagem no MyWellnessConcept, que aconselho a experimentarem. Sempre com pacotes e promoções todos os meses. Este mês as massagens esfoliantes, o melhor para depois do Verão.

MyWellnessConcept com vista, porque a mães também merecem e precisam...



Boa semana.



Cacomae
Facebook AQUI, Instagram AQUI, Pinterest AQUI

quinta-feira, 25 de Setembro de 2014

O que nenhuma filha devia esquecer

Desde que fui mãe, mas principalmente desde que oiço chamarem-me mãe, me esqueço muitas vezes que também tenho uma.
Esqueço-me tantas vezes de lhe dizer que a adoro, quando é o melhor que posso ouvir.
Esqueço-me de lhe dizer que está bonita, quando fico babada se elas me dizem isso.
Esqueço-me de lhe pedir beijinhos quando sei a falta que faz esse pedido.
Esqueço-me de dizer o quanto preciso dela, quando sei o tão importante que é para nós sentir a falta que fazemos aos nossos filhos.
Esqueço-me de deitar a cabeça no seu colo, quando sei que é tão bom passar as mãos no cabelo, quando sei o quanto sabe bem e nos acalma as festinhas que lhes damos na testa.
Esqueço-me tantas vezes de continuar a pedir conselhos, quando é bom sentir que a nossa opinião é importante.
Esqueço-me de rir com ela, quando isso é um sinal tão grande de felicidade.
Esqueço-me de lhe dar boa noite, quando nunca me vou deitar sem ir dar um beijo na testa de cada uma das três.
Esqueço-me de abraça-la, quando sei o bom que é, sentir o calor do abraço de uma filha.
Esqueço vezes demais da pessoa que me fez ser o que sou, da pessoa que está sempre de braços abertos para me ajudar, para me receber, mesmo esquecendo tantas vezes do que não devia como filha.
Amo-te querida mãe, e sei que me amas mesmo como sou, isso nunca vou esquecer.


Um beijinho muito especial para a minha querida mãe. Não porque faz anos, não porque seja alguma data especial, só porque sim, só porque hoje não me quis esquecer que também tenho uma mãe que espera algo de mim.


mãe a pessoa que me ensinou a amar, a pessoa a quem quero dizer muitas vezes...Gosto tanto, tanto de ti.

Nota: urgente, temos de tirar mais fotografias as duas, porque esta é tão antiga!!!




Cacomae
Facebook AQUI, Instagram AQUI, Pinterest AQUI

quarta-feira, 24 de Setembro de 2014

Uma grande inauguração

Uma coisa tenho a certeza, se amanhã estivesse no Porto não perdia por nada a inauguração da primeira loja de uma das minhas marcas portuguesas favoritas. A Piupiuchick vai dar mais uma enorme surpresa às suas clientes e vai ter uma loja LINDA (eu já vi um bocadinho) que inaugura amanhã  (quinta-feira) na Foz do Porto, a partir das 17:00h.
A morada está aqui e eu vou ficar a roer-me de inveja de quem vai ver ao vivo e a cores uma colecção tão esperada, que deve estar demais.


Rua de Diu, nº 222 na Foz do Porto- a nova loja da Piupiuchick



Parabéns Ms e I. um grande beijinho para amanhã.


Agora vou voltar ao gelo, porque acho que os próximos tempos vão ser de estaleiro. Voltei a dar um mau jeito no ombro e estou aqui a morrer de dores.


Cacomae
Facebook AQUI, Instagram AQUI, Pinterest AQUI

terça-feira, 23 de Setembro de 2014

Home sweet home

Com este tempo meio marado a querer transformar-nos à força num país tropical, a vontade de ficar em casa é muito maior (eu bem vi este domingo que bem que soube), por isso, hoje deu-me uma vontade enorme de comprar algumas coisas novas cá para casa.
Com crianças, trabalho e corridas nada mais fácil que andar pelas lojas online (das melhores e mais práticas invenções de sempre, mas nada me tira o andar nas lojas a ver tudo com as mãos. Adoro tocar, mexer, virar e revirar mil vezes as coisas até me decidir por qual gosto mais).
Hoje andei pela Zara Home e trazia para casa meia dúzia de coisas giras que já iriam fazer alguma diferença na decoração, que eu por ser gémeos, por ser mulher, por ser curiosa, andava sempre a mudar.






Depois, passei na La Redoute e tirei umas ideias que adorei para fazer num destes fins de semana com chuva. Adoro pintar e transformar peças, que ficam únicas, com muito mais valor porque foram feitas por mim (estas letras fui eu que pintei, por exemplo). Os dois pássaros vão ficar o máximo pintados de outra cor, assim como o &. Os tons que vou usar serão quase de certeza os do pantone da imagem.
Fica a ideia para quem também achar giro.




Para terminar, só podia ser com arranjos bonitos espalhados pela casa. Como não sou uma expert na matéria costumo ir ao mercado da Ribeira (o melhor sítio para mim desde que me lembro de ir pequenina com a minha mãe, pela variedade, qualidade e preço), onde sou muito bem recebida e de onde venho sempre com flores lindas para ter por toda a casa.






ps - Não resisto e tenho de mostrar mais um bocadinho das novidades que a Cosythings me enviou e eu AMEI, primeiro pela confiança ao me terem mostrado antes e depois porque estes são uns tons e cores que vou adorar usar este inverno nas Cs, misturados com outras mais escuras, próprias da estação.

Jardineiras modelo para eles e modelo para elas

Fofo e calções para eles e elas

Esta cor fica o máximo com cinzento escuro, azul escuro ou azul petróleo, encarnado e castanho (pelo menos eu imagino com estas, mas de certeza que outras olham e vêm mais combinações).
Mais uma marca que mostra e aposta que cores de Verão podem e ficam giras usadas no Inverno.
Adorei Cosythings



Espero que tenham gostado das ideias e sugestões.



Cacomae
Facebook AQUI, Instagram AQUI, Pinterest AQUI